SafeIn Segurança de Processo

Blog

Procedimento de Emergência da Vale do Rio doce

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Email -- 0 Flares ×

Todo empreendimento que se preze deve ter como base uma análise de risco de processo da sua instalação. Nesta análise deve ser possível enxergar com clareza os perigos identificados, a quantificação dos riscos e a proteção adequada para cada risco, visando trazer o risco existente para valores residuais. Sendo assim, é possível traçar um plano de emergência para que em caso ocorrer um evento devido a este risco residual, o problema seja contornado até com certa facilidade. Quando você tem que ativar o seu plano de emergência frequentemente é porque a etapa de análise de risco não existiu ou foi muito mal feita, que é o caso da Vale.
Vejam a importância de uma análise de risco de processo bem feita. O resultado sempre será um ambiente de produção livre de cenários de perda de contenção e uma empresa entregando seus produtos e contribuindo para o crescimento da nossa sociedade. O resultado oposto, nós estamos vendo uma empresa matando seus colaboradores, uma empresa destruindo o meio ambiente que levou milhões de anos para ser construído e finalmente uma empresa com um gasto financeiro sem precedentes para reparar os danos realizados.
A Vale do rio doce vem acionando o procedimento de emergência quase que semanalmente, o qual está baseado na evacuação dos moradores e funcionários que estão no caminho dos detritos. Vocês tem ideia de como estas pessoas estão morando/trabalhando? Você está na sua casa/trabalho e de repente soa um alarme com a instrução de abandonar o local em que estão. Imaginem a tensão diária destas pessoas durante os anos vindouros, onde não existe absolutamente um trabalho desta empresa e o silencioso governo para reparar um projeto cheio de erros. Por estas e outras que somos considerados um país de terceiro mundo apesar de ter o décimo PIB do planeta. Enquanto não nos revoltarmos com este tipo de atitude de pessoas que deveriam dar o exemplo de atitude, nós não vamos evoluir como país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Email -- 0 Flares ×