Hazop em implantação na TFL

Tem sido muito gratificante verificar o potencial do Hazop com cenário SIL em um cenário de processo de trabalho. As pessoas entendem com profundidade a função de uma análise de risco de processo como elemento de eliminação de perda de contenção e melhorias operacionais. A TFL decidiu verificar se os alicerces da sua casa estavam realmente bem projetados para que continue crescendo respeitando as pessoas, o meio ambiente, o patrimônio instalado, seus clientes e fornecedores. Está seguindo a metodologia com maestria, mantendo a equipe focada no estudo com o nobre papel de encontrar as possibilidades de perda de contenção e oscilações operacionais. Neste processo de análise, a equipe (Operação, manutenção, P&D, segurança e compras) vai tendo contato com os riscos de processo aprendendo como identificá-los, quantificá-los, reduzi-los e mantê-los controlados adequadamente através dos DOC SIL. Esta adição de valor na equipe operacional, além de deixar claro que segurança de processo é definitiva para a manutenção da empresa, a produtividade com qualidade deve estar no mesmo patamar, pois planta estável é muito mais segura do que uma planta que reprocessa ou para a todo momento. A SafeIn engenharia agradece a oportunidade dada pela TFL na figura de sua gerente de produção Fabiana Caumo, a qual vem conduzindo sua qualificada equipe de Hazop para que os resultados sejam obtidos e que estejam materializados na unidade industrial.